De Pedra e Sal Restaurante

Localizado na Baixa de Setúbal, junto do mítico Largo da Ribeira Velha, num prédio com mais de 150 anos, nasceu um novo conceito criado por dois amigos.

Rui Almeida da área do têxtil (bem como outros negócios) e Vasco Alves, licenciado em turismo e também chefe executivo da Escola de Hotelaria e Turismo de Setúbal, decidiram conciliar duas áreas: Cozinha e Hotelaria num só edifício… E assim a 27 de Dezembro de 2016 abriu o Restaurante De Pedra e Sal.

Inicialmente seria chamado de “Casa do Largo”, mas este nome nunca convenceu os seus donos e posteriormente passou para a expressão “pedra e cal”, pois o Chef Vasco sempre teve um fascínio por pedras. Finalmente consolidou-se para o actual nome, visto ser pretendido um projecto sólido, algo que viesse para ficar, e como tal a Pedra liga-se à terra e o Sal relaciona-se com a história das salinas de Setúbal.

Ao passar o número 10 do prédio do Largo Dr. Francisco Soveral, dois elementos saltam á vista, a porta de ferro fundido do De Pedra e Sal e as límpidas montras que permitem ver os cozinheiros vestidos a rigor naquela estreita, mas muito organizada cozinha.

Ao entrar no restaurante, sente-se de imediato a ligação à cidade, pois no puro negro tecto sobressai o entrelaçado de cordas dos barcos de pesca. À medida que avançamos na sala e enquanto nos dirigimos para a nossa mesa notamos nos pratos de olaria negra de Bisalhães (recentemente declarada Património Cultural Imaterial da Unesco) e nos talheres de madeira feitos na Guarda. Mais parece que estamos a fazer uma viagem por Portugal, mas ainda existem mais conexões regionais neste espaço.

O prato de referência do restaurante que não pode deixar de provar é o Bife de Pedra e Sal. A carne de vaca vai ao forno a carvão da Josper (de onde sai quase todo o menu) e posteriormente é colocada numa pedra de sal, oriunda das minas de Loulé. Esta pedra não é comum, é de sal, chega quente à mesa sobre uma base de cortiça e não serve para cozinhar a carne, mas sim para dar um paladar salgado ao prato. Este delicioso e tenro bife é acompanhado por batatas e legumes assados.

O restaurante aposta numa cozinha de autor, respeitando as tradições portuguesas, com pratos cheios de conforto, sabor e doses generosas. Na cidade do peixe fresco e do choco frito há espaço para a carne de qualidade, mas também para o camarão tigre e o bacalhau à lagareiro com puré de pimentos, batata a murro, tudo isto regado com azeite de ervas e alho.

Outro detalhe interessante neste espaço são os azulejos existentes no balcão que separa a sala de refeições da cozinha. Os azulejos foram criados pelo filho do Chef Vasco, que desenhou os 15 padrões para um trabalho da escola. Posteriormente, estes foram mandados fazer na fábrica “Azulejos de Azeitão” segundo a técnica usada nos azulejos originais existentes no exterior do edifício.

Fiquem atentos nos próximos tempos pois iremos partilhar mais pormenores deliciosos do De Pedra e Sal Restaurante bem como detalhes do De Pedra e Sal Hostel & Suites…

Horário Segunda-Feira a Sábado (12:30-15:00h e 19:30-23:00h)
Domingo (14:00-20:00h)

Morada Largo Dr. Francisco Soveral, nº 10
2900-380 Setúbal

Telefone (+351) 265 418 353
(não aceitam reservas)

Email restaurante@depedraesal.com

Site www.depedraesal.com