parallax background

Entrevista
Costinha, médio do Vitória

7th August 2018
Cultura Setubal Featured
Cultura fresca
a preço de saldo
6th August 2018
RM Guest House World Luxury Awards Featured
RM Guest House
volta aos
World Luxury Awards
8th August 2018
 

Encantado com a Arrábida

É um dos eleitos para o 11 do Vitória sob o comando de Lito Vidigal. Nasceu João Costa, em Coimbra, há 25 anos, mas é como Costinha que se tem afirmado no mundo do futebol. O médio, que está em Setúbal desde 2015, confessa que nunca imaginou que em Portugal houvesse uma paisagem como a da Serra da Arrábida. Cada vez mais ligado ao sentir sadino, este conimbricense fala do que mais o inspira na cidade do rio azul.

 

Como foi a chegada a Setúbal?

Foi boa! Fui bem recebido pelos setubalenses. Confesso que tinha alguma expectativa em relação à cidade e, posteriormente, pude comprovar que tem paisagens incríveis , comida bastante boa, entre outras coisas fantásticas!


O que foi mais surpreendente

A Serra da Arrábida. Antes de chegar a Setúbal nunca tinha visitado a serra. Fiquei encantado e surpreendido por ser possível termos este tipo de paisagens em Portugal. Muitas vezes nem sabemos que existem!


Uma palavra para descrever a cidade?

Tranquilidade.

“O povo sadino tem raça, é um povo lutador, que não desiste. Identifico-me muito com isso, desde sempre.”

 

O que é único em Setúbal?

As praias. O Portinho da Arrábida, Galapos…Fantásticas!


Já tens algo de alma sadina?

O povo sadino tem raça, é um povo lutador, que não desiste. Identifico-me muito com isso, desde sempre.


Como é um dia perfeito em Setúbal?

Começar a manhã numa das belas praias da Arrábida. Depois, poder desfrutar de um bom peixe à beira-mar. À tarde, usufruir das maravilhosas paisagens da serra, num passeio, e voltar à praia para aproveitar ao máximo. Para finalizar, um fim de tarde com um lanche/ jantar num espaço que gosto bastante que é o “Mar até cá", perfeito para apreciar o pôr do sol.


Que prato eleges e onde se pode saborear?

Não tenho nenhum prato preferido, mas não digo que não a peixe grelhado, salmão dourada, robalo. Gosto de ir ao Ivomar (rua Clube Recreativo da Palhavã 101).