parallax background

Hotel Casa Palmela
O hotel perfeito para namorar

Designer setubalense cria roupa sustentável
31st January 2019
O que precisa de saber
sobre o queijo de Azeitão
4th February 2019
 

É o único cinco estrelas da região e está em pleno coração do Parque Natural da Arrábida. O Hotel Casa Palmela, na Quinta do Esteval, é perfeito para namorar e encontrar aquele momento de que precisa.

São 70 hectares de história que remonta ao século XVII, mas também de vinhas e de trilhos que se percorrem a pé, de bicicleta ou a cavalo, numa comunhão plena com a natureza.
Passe o grande portão da entrada, percorra a estrada de terra batida, ladeada de vinhas, e sinta o ritmo a abrandar. Esqueça as horas e entregue-se a um tempo diferente.

Publicidade
O Miguel – Posts s/caixa
 

A propriedade pertence há várias gerações à família Palmela. Originalmente foi um Colégio de Jesuítas, depois da sua expulsão, foram as freiras da Ordem de São Bernardo ali habitaram. Ainda hoje o edifício mantém uma capela onde estão duas cadeiras usadas para as orações da Duquesa de Palmela. Durante as invasões francesas serviu de hospital. Mais do que luxuoso, este lugar é rico em histórias, algumas até de amor, que são contadas durante a visita ao hotel.

São 21 quartos decorados em tons suaves. O conforto e o glamour estão em cada detalhe. Há ainda três villas para famílias. A casa senhorial, classificada como Imóvel de Interesse Municipal, é complementada com um jardim impecavelmente cuidado. Há peças seculares, fotografias de família, que casam tempos antigos com uma modernidade discreta. A quinta está cheia de recantos e pormenores encantadores.

 

Aqui vai ver uma das imagens mais poéticas de sempre. No meio das vinhas, há um grande sobreiro, sereno, vigilante, parece que foi ali pousado na paisagem…

Os hóspedes são recebidos num ambiente de casa de família, tranquilo e cuidado. Mas as portas também se abrem à região e o hotel participa nela de forma empenhada. Tem um restaurante distinto - o Zimbral - e um café - o Spot- com uma esplanada virada para a Serra de São Luís, onde se pode deliciar com um brunch ou simplesmente navegar num copo de bom vinho.

 

O serviço mais recente é o Slow Wellness Spa. Todo em madeira, está entre serras a uma ligação única com a terra. É o lugar certo para sentir. Aqui não há tempo definido, não há horas marcadas. Há massagens exclusivas, feitas à medida, esfoliações biológicas, momentos a dois ou só para si. Óleo de grainha de uva, alfazema, sal marinho, alecrim, são alguns dos ingredientes naturais, colhidos na região, usados no spa.

O tempo é provavelmente o bem mais precioso e requintado que temos. Dura longas horas ou breves instantes. Mas é nosso. Só nosso.