parallax background

O Miguel
Vamos ao peixe

De Pedra e Sal Restaurante
De Pedra e Sal
Restaurante

O país à mesa
27th April 2018
 

Se há sítio onde se come bom peixe fresco é em Setúbal. Disso não há dúvidas. E uma das montras mais bonitas da cidade está no restaurante “O Miguel”.

Se é verdade que os olhos também comem, aqui enchem a barriga! “Da traineira para a mesa” é um dos lemas desta casa que nos seus 17 anos de existência tem ganho nome pela qualidade, mas também pela excelente localização.

Em frente à doca dos pescadores, tem uma esplanada, virada para Tróia, de fazer inveja. Há razões de sobra para merecer uma visita. Por isso, sobretudo aos fins de semana, há uma romaria de clientes.

Nada que atrapalhe o atendimento que é simpático, educado, rápido e eficaz. Para quem não gosta de esperar, o melhor é chegar por volta das 12H00 ou fazer reserva.

Morada:
Avenida José Mourinho, 16

Preço:
Distancia ao centro:
  • 25%

„Cores vibrantes e sabores frescos nos pratos!”

À mesa, aconselhamos uma salada de ovas. Vem bem temperada, cheia de cores e com sabores surpreendentes. Puxe de uma fatia de pão da casa, macio e crocante, e pique umas azeitonas enquanto se prepara para o que vem a seguir: peixe ou marisco. Pois claro!

Puxe de uma fatia de pão da casa, macio e crocante, e pique umas azeitonas enquanto se prepara para o que vem a seguir: peixe ou marisco. Pois claro!

 

A grelha d’ O Miguel é famosa e com razão.

Escolha a tradicional sardinha ou o suculento carapau, espere uma cozinha honesta, mas inovadora.

Se quer fugir do trivial, sugerimos o salmonete grelhado. Este peixe, vermelho e de escamas suaves, tem uma textura macia e um sabor requintado. Depois de assado, lembra ouro rosa. Para acompanhar esta especialidade setubalense, há batata cozida com molho de fígado de salmonete e salada com pimentos assados, bem regada com azeite.