parallax background

Sabia que já existiu uma mãe d’água no centro de Setúbal?

25th March 2019
Batareo Featured
Batareo: peixe perfeito
22nd March 2019
Uma delícia de bitoque
26th March 2019

Sempre que precisamos de água abrimos a torneira e lá vem ela. Mas nem sempre assim foi e Setúbal chegou a ter escassez deste bem tão essencial.


Sabia que na rua de Santa Catarina, no centro de Setúbal, já houve uma mãe d’água? E que o chafariz do Sapal, no bairro do Troino, já esteve em plena praça Bocage e dava de beber a boa parte da população?

Numa visita guiada, que decorre esta quinta-feira, dia 28 de março, pode saber mais sobre estas e outras curiosidades do património histórico setubalense relacionado com a água.

A iniciativa, dirigida pela técnica Ana Catarina Stoyanoff, da divisão de Bibliotecas e Museus da Câmara Municipal de Setúbal, assinala o Dia Nacional dos Centros Históricos.

Publicidade
Vertigem MREC #1

Sempre que precisamos de água abrimos a torneira e lá vem ela. Mas nem sempre assim foi e Setúbal chegou a ter escassez deste bem tão essencial.


Sabia que na rua de Santa Catarina, no centro de Setúbal, já houve uma mãe d’água? E que o chafariz do Sapal, no bairro do Troino, já esteve em plena praça Bocage e dava de beber a boa parte da população?

Numa visita guiada, que decorre esta quinta-feira, dia 28 de março, pode saber mais sobre estas e outras curiosidades do património histórico setubalense relacionado com a água.

A iniciativa, dirigida pela técnica Ana Catarina Stoyanoff, da divisão de Bibliotecas e Museus da Câmara Municipal de Setúbal, assinala o Dia Nacional dos Centros Históricos.

Património da Água em Setúbal

Quinta-feira

28 Mar

15:00

Aqueduto, Setúbal
Entrada gratuita*
*Requer inscrição
Adicionar ao calendário 03/28/2019 15:00 03/28/2019 17:00 Europe/Lisbon Património da Água em Setúbal A iniciativa, dirigida pela técnica Ana Catarina Stoyanoff, da divisão de Bibliotecas e Museus da Câmara Municipal de Setúbal, assinala o Dia Nacional dos Centros Históricos. A cidade tem um conjunto de locais com importância histórica e que estão ou já estiveram de alguma forma ligados à água. Esta é uma oportunidade para os conhecer.
Publicidade
Vertigem MREC #2
 

A cidade tem um conjunto de locais com importância histórica e que estão ou já estiveram de alguma forma ligados à água. Esta é uma oportunidade para os conhecer.

O aqueduto mandado construir por D. João II, no século XV, para abastecer a população é um dos exemplos mais emblemáticos e é precisamente junto a ele que está marcado o ponto de encontro, às 15H00.


A visita “Património da Água em Setúbal” é gratuita mas requer inscrição, até ao dia 26, através do número de telefone 265 537 890.


Conheça um outro lado do património da cidade e vai ver que se transforma num poço de conhecimento!